Qual é a forma da gota de chuva?

gota de chuva

Na imagem acima, temos a imagem que é mais comum de uma gota, mas será que essa é a forma real de uma gota?

Resposta: Sim e não!

Mas como sim e não?

Sim, quando a gota se forma em um bico de um conta gotas, inicialmente ela possui a forma da figura acima, quando ela escorre por uma parede, ela possui uma forma aproximada da figura acima, pois o atrito com a parede a deforma.

Não, quando se trata de gotas em imersão em fluído de menor densidade, que dependendo do volume da gota, ela pode ser esférica, achatada na ponta e até convexa.

As gotas de chuvas com diâmetros menores que 2 mm, são esféricas, pois as moléculas de água ao se agrupar por meio de pontes de hidrogênio, a resultante das forças internas ao sistema será nula, mas o mesmo não ocorre com as moléculas que estão na superfície da gota, pois simplesmente as moléculas acima delas para exercerem uma atração de o efeito mínimo. Ou seja, existe um desequilíbrio que faz com que as moléculas na superfície da gota sejam atraídas para o seu interior. E essa atração força as moléculas da superfície a se aproximarem mais, tornando-a mais densa.

É um processo parecido para os fabricantes de esferas de chumbo, eles fazem o chumbo gotejar de uma certa altura, o que irá torná-lo esférico, mas não por causa das pontes de hidrogênio, as ligações serão outras, mas o princípio é o mesmo.

Quando a gota de água da chuva possuí diâmetro maior que 2 mm e menor do que 5 mm, após se formar esférica e começar a precipitar, ocorre um achatamento na parte frontal com o atrito com ar.

Agora, se a gota de chuva tiver um diâmetro maior do que 5 mm, após se formar esférica e precipitar, ela ficará convexa pelo atrito com o ar e assim acabará se rompendo em gotas menores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *